José Luiz Datena

Datena revela que sentiu que morreria ao contrair Covid-19: “Paulada”

José Luiz Datena retornou ao Brasil Urgente e detalhou como foi o período que passou com a Covid-19, destacando o problema de saúde

Nesta segunda-feira, 18, José Luiz voltou ao comando do “Brasil Urgente”, na Band, após precisar se afastar da atração para cuidar de um problema de saúde.

Datena contraiu a e ficou semanas de repouso enquanto se recuperava e se livrava do vírus. Aos 65 anos e já tendo enfrentado alguns outros problemas de saúde, o apresentador faz parte do grupo de risco e mesmo vacinado, teve sintomas da doença.

Agora, de volta ao “Brasil Urgente”, Datena falou sobre seu estado de saúde e como achou que não iria sobreviver. Confira:

Veja também – Com medo, esposa de Stênio Garcia sai de casa após repercussão negativa

Datena ficou doente

José Luiz Datena
José Luiz Datena e Catia Fonseca (Foto: Band)

Figura frequente nas tardes da televisão brasileira, José Luiz Datena precisou deixar o comando do “Brasil Urgente” após contrair o vírus da Covid-19. A atração ficou sob os cuidados de seu filho, Joel Datena, até que o titular pudesse retomar suas atividades.

E o apresentador retornou nesta segunda-feira, já detalhando aos telespectadores como foi seu período com a doença.

“Pelo menos em dois dias senti que não ia passar por essa daí, foi uma paulada violenta. Já tive tumor no pâncreas, seis stents colocados, um infarto, problema sério de diabetes altíssimo. Mas, de todas as doenças que enfrentei, que foram doenças graves, essa foi a que senti que talvez não sobrevivesse. Achei, que o sino tinha tocado para mim, fiquei muito mal”, disse Datena.

Conversando com sua vizinha na programação da Band, Catia Fonseca, o apresentador disse que todos estão achando que a Covid já acabou, mas que ela ainda está infectando muitas pessoas e de forma séria. “Comadre, dessa vez, a coisa foi feia, a trombada foi feia. Há muito tempo já vinha alertando as pessoas que essa história do Covid não acabou, a gente abriu a guarda muito cedo”.

Datena reforçou ainda sobre o uso de máscaras e a vacinação, mas que mesmo assim ainda é importante que fiquem atentos, especialmente quem faz parte do grupo de maior risco.

“Tem que continuar usando máscara, fiz isso, tenho quatro doses de vacina. Todo mundo tem que tomar essas atenções, principalmente o pessoal do meu grupo, porque tem gente que pega e não sente absolutamente nada”, destacou.

Veja também – Sonia Abrão é chamada de mentirosa por Ana Maria Braga e solta o verbo: “Hipocrisia”

Sintomas foram graves

Segundo Datena, o pior foi a dor de garganta que somada a outros fatores o deixou debilitado.

“O que mais pegou foi o excesso de catarro, excesso de saliva e dor de garganta infernal. Quando a salivação aumenta, você nem percebe, produz e desce. Só que, com a garganta doendo, você sufoca com a saliva. Foram dois dias ruins”.

Agora, já recuperado, o apresentador seguirá no comando do “Brasil Urgente”, especialmente por desistir da corrida eleitoral.

Veja também – Jade Picon se muda para mansão ao ser contratada pela Globo; veja o imóvel de luxo

Se você gosta do universo de entretenimento, precisa conhecer os conteúdos que temos sobre esse tema aqui mesmo, no portal Fashion Bubbles!


Stories

Matérias Similares