Brad Pitt diz ter prosopagnosia.

Prosopagnosia: conheça a doença rara que Brad Pitt diz ter

Saiba o que é, quais são as causas, sintomas e tratamentos da prosopagnosia, doença conhecida como cegueira facial

Recentemente, um dos maiores astros do cinema, Brad Pitt, comoveu o mundo ao anunciar o autodiagnóstico de uma doença rara: a prosopagnosia. Apesar de não ter passado por nenhum médico especialista, o famoso acredita sofrer com a cegueira facial.

Mas, afinal, o que é a prosopagnosia? Para responder a essa questão, buscamos fontes baseadas em evidências científicas e especialistas na área. Portanto, para saber o que é, quais são os sintomas, como é feito o diagnóstico e os tipos de tratamento, continue lendo!

O que é prosopagnosia?

Quebra-cabeça do cérebro.
Fonte: Canva

A prosopagnosia é uma doença conhecida popularmente por cegueira facial. Basicamente, ela incapacita a pessoa de reconhecer parcial ou totalmente um rosto, seja ele de um conhecido, familiar ou até o seu mesmo.

Especialistas estimam que 1 em cada 50 pessoas tenha a doença. Porém, os casos mais graves são raros.

A prosopagnosia afeta tanto homens quanto mulheres de todas as idades. No geral, ela é causada por uma lesão cerebral, como um AVC, um trauma, depressão, doença de Alzheimer ou esquizofrenia.

Além disso, existem evidências científicas de crianças que possuem a prosopagnosia devido a transtornos do próprio desenvolvimento, como o autismo, por exemplo.

  • Veja também Afasia: conheça o distúrbio que acometeu o astro do cinema Bruce Willis

Sintomas

O sintoma que caracteriza a doença é a dificuldade ou incapacidade de reconhecer rostos, sejam eles conhecidos ou não. Nos quadros mais graves e raros, o paciente pode não reconhecer a própria face.

Por outro lado, existem outros sintomas que também são associados à prosopagnosia, entre eles:

  • Não conseguir reconhecer pessoas em fotos ou pessoalmente;
  • Incapacidade de descrever feições;
  • Dificuldade no reconhecimento de pessoas uniformizadas;
  • Transtorno de ansiedade social;
  • Evitar contato visual;
  • Costumar fazer perguntas pessoais para gerar identificação ou usar roupa, corte de cabelo, perfume, entre outros para isso;
  • Dificuldade ao assistir programas televisivos, por não conseguir reconhecer personagens;
  • Desorientação em público;
  • Depressão.

Esse quadro precisa de atenção redobrada em crianças e adolescentes. Afinal, eles não terão medo de pessoas estranhas, por não conseguirem distinguir se já as viram ou não.

Contudo, apesar de não reconhecer o rosto de uma pessoa, o indivíduo com prosopagnosia mantém a capacidade de memorização de nomes, cheiro e demais características de outras pessoas.

Causas da doença

Senhora com prosopagnosia.
Fonte: Canva

As causas da prosopagnosia são divididas em duas categorias, baseadas na origem do quadro.

Prosopagnosia adquirida: é causada por traumas cerebrais ou doenças que afetam o órgão, como AVC, depressão Alzheimer, esquizofrenia, entre outros.

Prosopagnosia congênita: acontece durante o desenvolvimento infantil. Especialistas apontam que o caso pode estar relacionado a fatores genéticos, embora haja necessidade de mais estudos a respeito do tema.

Como é feito o diagnóstico da prosopagnosia?

Neurologista com exame de imagem.
Fonte: Canva

Apenas um neurologista ou neuropsicólogo são capacitados para dar o diagnóstico de prosopagnosia. Para isso, é necessário analisar os sintomas e realizar uma série de testes que avaliam capacidade de reconhecimento facial, memorização e distinção entre estrutura e expressões faciais de pessoas diferentes.

Além disso, é comum que os especialistas exijam a realização de exames por imagem. Por exemplo, a tomografia computadorizada e/ou ressonância magnéticas. Ambos possuem o objetivo de avaliar a sistema cognitivo visual.

Quais são os tratamentos para prosopagnosia?

Exercício para melhorar a prosopagnosia.
Fonte: Canva

Ainda não existe cura ou um tratamento específico para cegueira facial. Entretanto, neurologistas e neuropsicólogos podem indicar técnicas que ajudem na identificação de rostos.

Uma das formas com as quais especialistas mais têm tido resultado é praticar a memória de outras características que não sejam faciais. Só para ilustrar, seria o reconhecimento de voz, cheiro, roupas, penteado, entre outros.

Do mesmo modo, em casos de prosopagnosia adquirida associada a depressão, os profissionais da saúde podem incrementar o tratamento com o uso de medicamentos antidepressivos.

Por fim, outros tipos de tratamento são indicados de acordo com a gravidade e extensão do dano cerebral de cada paciente. Por isso, nem sempre ele será igual para todas as pessoas com o mesmo diagnóstico.

Caso de Brad Pitt

Essa não foi a primeira vez que o ator americano falou sobre a doença. Em 2013, em uma entrevista ao Esquire, Brad já havia mencionado seu problema com o reconhecimento facial de outras pessoas.

Um dos principais sintomas revelados é o de isolamento social, já que muitas pessoas o julgam por não conseguir reconhecer outras pessoas e isso pode ser visto como arrogância. Por isso, o ator revelou que tem preferido ficar em casa.

Até o momento, não há um diagnóstico médico sobre o quadro. Mas, ao saber das entrevistas que mencionam a doença, a Universidade Carnegie Mellon o convidou para uma consulta com um neurocientista.

Conclusão

A prosopagnosia, conhecida também como cegueira facial, é uma doença causada no cérebro. As pessoas com esse quadro possuem dificuldade de reconhecer rostos, sejam eles familiares ou não.

Existem diferentes formas de tratamento, que dependem do caso de cada paciente. Porém, adotar técnicas e praticá-las diariamente é uma forma de exercitar o reconhecimento das pessoas sem ter que se lembrar do rosto de cada uma delas.

Enfim, é importante destacar que, ao perceber algum sintoma, seja em adulto ou criança, procure um médico especialista.


Stories

Matérias Similares