A procura por tratamentos para a pele tem aumentado cada vez mais, principalmente nos últimos anos, com tantas informações sobre cuidados para cada um dos tipos de pele.

Uma prova disso é a pesquisa realizada pelo Ibope, em parceria com a Avon, que identificou que 6 em cada 10 mulheres brasileiras não estão satisfeitas com a pele do seu rosto.

Esses dados apenas comprovam a importância de encontrar o tratamento e rotina de cuidados ideais para o seu caso — do contrário, é possível causar o famoso “efeito rebote”, com resultados negativos.

Pensando em te ajudar a identificar os melhores cuidados para cada um dos tipos de pele, a equipe Fashion Bubbles desenvolveu este conteúdo completo.

Nele, você descobrirá tudo sobre os melhores produtos e tratamentos disponíveis para o seu tipo. Continue a leitura e confira!


A importância de conhecer o seu tipo de pele


Conhecer o seu tipo de pele é o primeiro passo para saber como deixá-la ainda mais bonita e viçosa, com técnicas adequadas.

É importante ressaltar que alguns produtos podem fazer muito mal às cútis que não precisam recebê-los.

Um exemplo disso é o excesso de creme hidratante para peles oleosas — o resultado seria desastroso, já que elas produzem muita hidratação naturalmente, podendo aumentar ainda mais a oleosidade.


Quais são os tipos de pele?


tipo de pele exemplos
Foto: Pexels | Quais são os tipos de pele existentes?

O segredo para que você não corra riscos ao testar novos produtos é saber exatamente qual o seu tipo de pele e suas respectivas restrições e alergias.

Apesar de ser algo essencial, muitas pessoas não fazem ideia de como descobrir as características da sua derme e suas principais necessidades.

Sabendo disso, selecionamos os 6 principais tipos de pele e suas particularidades, de modo que você mesmo poderá definir qual deles corresponde à sua realidade. Acompanhe!


Pele oleosa


O primeiro exemplo é muito comum tanto entre mulheres quanto entre homens e tem como característica a produção natural de óleo, tornando-a gordurosa em diferentes níveis.

Não é difícil identificar uma pele oleosa, basta notar que ela é sempre mais brilhosa e tem aspecto gorduroso, somado aos poros mais abertos. 

Esse acúmulo de gordura pode ser mais intenso em regiões como nariz e bochechas, impedindo que até mesmo maquiagens durem por muito tempo.


Quais produtos usar na pele oleosa?


Para reverter a situação e começar um tratamento apropriado, é preciso investir em produtos livres de óleo em sua composição.

Encontrar produtos assim não é difícil, basta procurar pelos famosos “oil free”, tanto em hidratantes e séruns, quanto em protetores solares e maquiagens.

Quem sofre com a oleosidade excessiva precisa ter uma boa etapa de higienização diária, com sabonetes, demaquilantes e águas micelares específicas, que combatam o acúmulo de gordura.

Você pode investir nas marcas que mais confia, conforme o seu orçamento e preferências, podendo contar também com as marcas veganas e mais naturais.


Pele seca


A pele seca é o extremo oposto da oleosa — aqui, a produção de sebo é mísera e o rosto tem aspecto áspero, sofrendo até mesmo com descamações. 

É muito comum ver pessoas com rosto seco reclamando de como eles são sensíveis e descamam com facilidade, tudo graças à falta da camada protetora de óleo natural.


Quais produtos usar na pele seca?


Para não deixá-la ainda mais seca, você deve evitar sabonetes ou mousses de limpeza muito intensos, além de “passar longe” da esfoliação frequente — isso poderia trazer ainda mais vulnerabilidade.

Um componente a ser evitado é o álcool, que resseca ainda mais, dando preferência a produtos glicerinados e neutros.

Você também deve investir em bons hidratantes à base de óleo e vitaminas, com a vitamina C, que pode trazer vida ao seu rosto.

Por último, não se esqueça de usar diariamente um bom protetor solar facial para evitar manchas de sol e irritações.


Pele mista


Se você identificou traços dos dois tipos anteriores, talvez a sua pele seja mista, nem tão oleosa, nem tão seca.

Pode ser que você perceba maior concentração de óleo em regiões como testa e nariz, a famosa “zona T” e a ausência dele nas bochechas, maxilar e região dos olhos.


Quais produtos usar na pele mista?


Nesse caso, o tratamento também precisa ser misturado ou complementar para equilibrá-la.

Nas regiões mais secas, por exemplo, é interessante utilizar cremes hidratantes e pomadas específicas, um pouco mais fortes do que aquelas utilizadas nas áreas oleosas do rosto.

Os sabonetes de limpeza precisam ser suaves, nem tão potentes nem completamente à base de óleo.


Pele normal


A normal é aquela que não apresenta dilatação dos poros nem acúmulo excessivo de impurezas e oleosidade, muito menos manchas.

Tem um produção de óleo normal, equilibrada, e consequentemente não sofre com espinhas e cravos, isso é algo pontual. O resultado é um rosto bonito, sonhado por muitos.

Esse tipo é mais “raro” entre os adultos, principalmente devido a tantas questões hormonais e estresses que podem resultar no desequilíbrio.

Assim, o melhor exemplo de “pele normal” está entre os bebês e crianças, que não possuem alterações ou complicações dermatológicas.


Quais produtos usar na pele normal?


Nesse caso, não é necessário o uso de nenhum tipo de produto específico — manter uma boa rotina de cuidados simples, com limpeza, hidratação e proteção já é o suficiente.

Os sabonetes líquidos, hidratantes e protetores solares não precisam ser de nenhuma linha específica, como acontece com as peles oleosas, secas e mistas.


Pele acneica


O tipo acneica é muito comum principalmente entre adolescentes e mulheres grávidas, ou com desequilíbrio hormonal.

As acnes podem causar muito desconforto e até mesmo diminuir a autoestima e amor próprio, por isso, além de um problema para a saúde, já que acnes são inflamações na pele e acúmulo de impurezas, isso também pode resultar em um problema emocional.


Quais produtos usar na pele acneica?


A pele acneica demanda produtos específicos, de linhas de tratamento para acne, para garantir um resultado mais satisfatório e eficaz.

Os produtos utilizados vão desde sabonetes e ácidos com ação mais intensa, destinados ao tratamento dos cravos e espinhas, até a visita a um dermatologista, a fim de verificar a causa das acnes, direcionar o tratamento e fazer limpezas de pele.


Pele sensível


Um dos casos mais complicados se relaciona à pele sensível, que precisa de mais atenção e cuidados mais seletivos, especialmente se são peles negras, mais propensas à irritações.

Quem tem a derme sensível sabe que sua aparência pode variar conforme o ambiente e elementos externos, como a exposição solar, poluição atmosférica e até mesmo a qualidade da água para lavar o rosto.

Ainda, vale lembrar que a alimentação e ingestão de água também podem afetar as peles mais sensíveis — é por isso que alimentos muito gordurosos e ácidos devem ser evitados.

Como você pôde perceber, a pele reage de modo exagerado aos estímulos e pode apresentar manchas vermelhas, irritação, coceira, descamação e ardor.


Quais produtos usar na pele sensível?


O melhor modo de controlar as peles mais sensíveis é através de produtos que tragam alívio e a reequilibrem. Assim, produtos que tem camomila e aloe vera em sua composição serão ótimos.

Antes de comprar um item, porém, é essencial fazer o teste de sensibilidade, para descobrir se aquele produto trará algum dano, ou se seu uso será permitido.


Como identificar o seu tipo de pele?


tipo de pele como descobrir
Foto: Pexels | Identifique seu tipo de pele!

É importante deixar claro que as dicas compartilhadas aqui não substituem uma consulta com dermatologista, nem o acompanhamento e procedimentos especializados com profissionais do ramo.

Além disso, a combinação de alimentação saudável, boa ingestão de água, rotina de cuidados e acompanhamento profissional é fundamental para manter a aparência sempre linda e viçosa.

Não existe uma fórmula mágica, afinal, isso é algo muito particular, mas durante a leitura você provavelmente se identificou com algum tipo de pele, não é? Isso já te ajuda a iniciar os cuidados!


Conclusão

Percebeu como os tipos de pele exigem rotinas de skincare diferentes? Se você gostou do conteúdo, com certeza vai aproveitar também os outros artigos da seção “Beleza”, aqui mesmo no Portal Fashion Bubbles.

Os conteúdos que compartilhamos servem como guias para que você aprenda a cuidar melhor da sua pele e cabelo. Para ficar sempre informado, siga o Portal Fashion Bubbles no Google News e seja notificado sempre que um novo conteúdo for publicado!