Semanas de Moda Digitais: 5 desfiles virtuais que deram o que falar

Prada, Chanel, Dior, Balmain, Valentino e muito mais: assista aos desfiles virtuais 2020 que apresentaram coleções resort e de alta-costura nas últimas semanas com tendências para 2021.

1.657

- Continue depois da Publicidade -

Mesmo sem as passarelas montadas, as grifes de luxo transformaram os desfiles em soluções digitais para expressar sua criatividade nesta temporada de fashion week. Londres, Paris e Milão fizeram suas semanas de moda digitais – e o que se viu foram maneiras nada convencionais de apresentar coleções de roupas e acessórios. Eventualmente, tudo isso agradou muitos e desagradou outros tantos.

Com toda essa toda essa revolução digital, que tal relembrarmos a história dos desfiles de moda? Veja também a  Moda do Futuro: como a tecnologia está mudando o universo fashion.

Principais destaques das Semanas de Moda Digitais

Para começar, o desfile virtual da Chanel deu um sopro de juventude à marca, trazendo uma pegada roqueira às tradicionais peças da maison francesa. Da mesma forma, o mito da Dior também foi destaque, apresentando um fashion show digital emocionante e lúdico com peças objetos de desejo em miniaturas. Contudo este desfile recebeu muitas críticas pela falta de diversidade e inclusão social.

Já o desfile masculino da  Dior Men apresentou coleção de verão 2021 em parceria com Amoako Boafo – Pintor ganense que se uniu ao diretor criativo da Dior Kim Jones, apostando assim em diversidade.

De Paris a Milão, confira 5 desfiles virtuais que foram destaques – e renderam o maior buzz nas redes sociais nas últimas semanas.

Balmain Sur-Seine

Para comemorar os 75 anos da Balmain, o diretor criativo Olivier Rousteing apostou na apresentação em um barco que cruzou Paris pelo rio Sena. Não foi como os desfiles virtuais da temporada. Mas, certamente, um fashion show ao ar livre, que comemorou o fim do lockdown em Paris.

Além da performance da cantora Yseult ao vivo, o desfile Balmain Sur-Seine contou com danças e modelos exibindo looks de alta costura da marca com a Torre Eiffel ao fundo.

Você também pode gostar!

- Continue depois da Publicidade -

Valentino reinventado

Para a coleção de alta-costura da Valentino, o diretor artístico Pierpaolo Piccioli trouxe uma apresentação ao vivo do Cinecittà Studios em Roma. Eventualmente, trouxe uma nova abordagem, misturando o presencial e digital, que ganhou o título de “Of Grace and Light” – de graça e luz em tradução livre.

“Uma sinfonia de vestidos brancos comemora um renascimento, um novo começo”, disse a publicação nas redes sociais da masion Valentino.

Despedida da Prada em desfile virtual

A Prada convocou cinco artistas visuais para realizar o desfile virtual mais comentado das redes. Com mais de 1 milhão de visualizações no youtube, a coleção Prada Múltiplas Visões Primavera/Verão 2021 – O desfile que nunca aconteceu, traz o último trabalho solo de Miuccia Prada para a grife. Em setembro, Raf Simons passa a atuar como codiretor criativo da marca italiana.

(Não) desfile virtual de

 

O não-desfile de Jean Paul Gaultier ficou conhecido como “O Show tem que continuar”. A maison resolveu fazer algo diferente, mostrando seu ateliê em Paris. “Enquanto o mundo parece estar se fechando, Jean Paul Gaultier está abrindo suas portas compartilhando os bastidores de sua Couture House.

Esta é uma imersão total dentro de um show que não é um show, mas uma maneira de conhecer os Petites-Mains e os artesãos da casa”, disse o site da marca.

Fendi California Sky

Um pouco antes das semanas de moda oficiais, a Fendi já tinha divulgado sua coleção de luxo descontraída, a Fendy Califórnia Sky, em colaboração com o artista Joshua Vides. São peças monocromáticas, que exploram o preto e branco em uma estética de streetwear e arte de rua.

- Continue depois da Publicidade -

você pode gostar também

- Continue depois da Publicidade -