Leonardo e João Guilherme.

Leonardo solta o verbo sobre polêmicas do filho caçula, João Guilherme: “Ideologias dele”

A bordo de um cruzeiro temático, Leonardo falou sobre um de seus filhos mais polêmicos, João Guilherme e expressou seu real sentimento

Compartilhe

Nesse último ano de eleição, quem não “se estranhou” com algum parente ou amigo por divergência política, não é mesmo? Na família dos famosos também não foi diferente. Leonardo e João Guilherme não chegaram a “brigar” publicamente, todavia, o jovem ator deu várias cutucadas no pai.

Acontece que Leonardo é um bolsonarista assumido, bem como seus colegas de música, Chitãozinho e Gusttavo Lima. Na reta final das eleições, tais sertanejos foram até Brasília sinalizar apoio ao atual presidente que acabou derrotado nas urnas.

Na época, João Guilherme não gostou do apoio declarado do pai à Bolsonaro e chegou a pedir desculpas ao público: “Temem tanto o ‘Perigo Vermelho’, e a mão do Bolsonaro tá cheia de sangue. Peço desculpas pela falta de educação e de sensibilidade do meu pai. Eu amo ele, por isso peço perdão”.

Agora, Leonardo falou sobre as manifestações do filho. Vem saber o que o sertanejo disse.

Leonardo fala das polêmicas de João Guilherme

Já acabou a fase das eleições (apesar das polêmicas ainda resistirem). Todavia, nesse momento, Leonardo está a bordo de seu cruzeiro temático, Navio Cabaré. O navio ainda terá shows de Bruno & Marrone, Roberta Miranda, Munhoz & Mariano, Yasmin Santos e Raça Negra.

E foi entre um evento e outro que Leonardo conversou com Leo Dias do Metrópoles. Uma das perguntas do jornalista foi sobre as “contestações” políticas que João Guilherme fez ao próprio pai, durante a campanha política.

Leonardo e João Guilherme.
Apesar das divergências políticas, Leonardo acha que João Guilherme é o filho que mais se parece com ele em questão de comportamento. Fonte: Instagram

“As ideologias dele, eu não tenho nada a ver com isso. Isso é dele, ele já é maior [de idade]. Eu apoio as coisas certas que ele faz. Se fizer coisas erradas, eu jamais vou apoiar. Nem a ele e nem a ninguém” – disse Leonardo.

De fato, recentemente, João Guilherme também se envolveu em outra polêmica. Durante as filmagens de uma série para Netflix, João debochou da cidade de Bananal e o prefeito da cidade exigiu desculpas públicas sobre ameaça de expulsar toda a produção da serie da cidade. Como resultado, João e a produtora se desculparam.

Apesar das divergências políticas, Leonardo afirma que admira seu filho e até se identifica com o estilo “bocudo” do ator.

“Eu acho o João Guilherme muito sincero, eu acho que ele fala o que ele pensa, ele é um baita de um moleque. Você perguntou se tem alguém que parece um pouco comigo, ele é meio bocudo, meio falador e parece um pouquinho por esse lado”– disse o sertanejo ao Metrópoles.

Veja também – Galvão Bueno se emociona ao dizer o que fará após a Copa do Mundo: “Quando eu parar”

João relatou a falta de Leonardo na infância

Em agosto desse ano, João Guilherme participou do podcast, PodDelas. Por lá o ator jogou a real sobre como foi sua infância sem ter Leonardo presente.

Meu pai não foi presente desde bebê. Nunca tive meu pai para ficar vendo ele. [Ainda mais] antes dos seis anos em Goiânia. Tipo ‘toma, uma criança’. Era f#da. Minha mãe [Naira Avilla] sempre foi assim [não mandava João sozinho]”– relatou Guilherme durante entrevista à Tata Estaniecki e Bruna Unzueta.

Assim sendo, o ator de “Cúmplices de um Resgate”, explicou que sua infância foi ao lado da família de sua mãe: “Eu vivi e cresci com a família da minha mãe. Meu pai, fui começar a trocar umas ideias com ele eu tinha uns sete anos, seis. Digo de ir, ser presente. Ele mora em Goiânia, é em outro Estado. Minha mãe até eu ter seis anos não queria que eu ficasse também viajando”.

João Guilherme posa no cenário do Poddelas e em outra imagem está com seu pai, Leonardo.
João Guilherme diz que teve outras referências musicais em sua infância. Fonte: Instagram

Dessa forma, João Guilherme sabe que suas referências musicais foram diferentes da do seu irmão, Zé Felipe, que foi criado com sua mãe, Poliana e Leonardo na mesma casa.

“O Zé Felipe, por exemplo, cresceu na casa do meu pai, ele é filho da Poliana, que é esposa do meu pai. Os três juntos lá. E aí sim, tem meu pai todo dia tocando violão, cantando. Se eu tivesse esse contato maior, talvez hoje em dia eu já saberia muito mais e ia ser mto mais gostoso saber tocar violão”– desabafa o cantor.

Com efeito, em breve, João Guilherme aparecerá em produções da Globoplay e Netflix.

Compartilhe

Notícias em Alta

Últimas Notícias