Morte de Marília Mendonça causa mudança em lançamento de nova novela da Globo

A Globo decidiu mudar a chamada da novela novela das sete, “Quanto Mais Vida Melhor”, após o trágico acidente que tirou a vida de Marília Mendonça

- Continue depois da Publicidade -

O Brasil ainda segue em luto pela morte trágica de Marília Mendonça. A cantora de 26 anos, e mais quatro pessoas morreram após a queda do jatinho em que estavam, na última sexta-feira, 05 em Minas Gerais. A comoção foi tanta que a Globo decidiu “tirar” do ar, uma das chamadas da nova novela, “Quanto Mais Vida Melhor”.

Isso porque, a trama do novo folhetim tem como “ação” principal, um acidente de avião que unirá os quatros protagonistas. De acordo com a sinopse, em “Quanto Mais Vida Melhor”, os personagens Paula (Giovanna Antonelli), Neném (Vladimir Brichta), Flávia (Valentina Herszage) e Guilherme (Mateus Solano) sofrem um acidente nos primeiros momentos da novela.

Além disso, todos morrem e vão parar no céu. Todavia, ao chegarem no “departamento celestial” descobrem que foram “chamados por engano”. Assim sendo, todos retornam às suas vidas na terra.

Contudo, uma porta voz do céu avisa que um dos quatro terá apenas mais um ano de vida. Mas não dá mais detalhes. Dessa forma, todos entendem que estão na eminencia de deixar a terra em breve e decidem “resolver” seus conflitos o quanto antes.

Uma das chamadas da trama trazia o detalhe do acidente de avião. Contudo, ela parou de ser veiculada. Agora, a Globo exibe apenas os protagonistas no céu recebendo a mensagem celestial. Esse corte coincide com o trágico acidente de Marília Mendonça.

Vem saber o que a emissora disse sobre isso.

 

 

A Globo vai mudar a novela por causa da morte de Marília Mendonça?

 

Morte Marília Mendonça, TV Globo, Quanto Mais Vida Melhor
“Quanto Mais Vida Melhor” terá cena de acidente de avião nos primeiros capítulos. Fonte: GShow

 

Não, a Globo não vai mudar nenhuma novela por causa do acidente que tirou a vida de Marília Mendonça mais 4 pessoas, na última sexta-feira, 05.

Isso porque, infelizmente, acidentes de avião acontecem a todo momento. Além disso, a novela foi pensada muito tempo antes (pelo menos uns 5 anos) de ser produzida e a chamada ir ao ar. Dessa forma, a Globo apenas cortou da chamada o trecho do acidente de avião, em virtude do luto nacional.

Ademais, “Quanto Mais Vida Melhor” já está praticamente toda gravada. Isso em razão de, enquanto a Globo exibia reprises, a produção rodava com um ritmo menos acelerado as cenas. Como resultado, a novela está praticamente pronta.

Aliás, devido a pandemia, a Globo já tinha feito uma mudança nessa produção. Antes, a trama do autor Mauro Wilson se chamaria “A Morte Pode Esperar”. Contudo, após todos os óbitos causados pelo coronavirus no mundo, e principalmente no Brasil, a emissora trocou o título para: “Quanto Mais Vida Melhor”.

 

 

Nota da Globo

 

Morte Marília Mendonça, TV Globo, Quanto Mais Vida Melhor
Globo afirma que chamada de Quanto Mais Vida Melhor não foi retirada da programação por morte de Marília Mendonça. Fonte: Reprodução/ TV Globo

 

Você também pode gostar!

- Continue depois da Publicidade -

De acordo com a publicação do site Notícias da TV, a Globo afirmou que os fatos não tem ligação. Segundo nota, o canal dos Marinhos afirma que a chamada que está no ar é apenas mais uma produzida para divulgar a nova novela.

A campanha é extensa e temos várias peças entrando e saindo do ar. A fase que estamos no ar agora foca nos núcleos da novela.

Tínhamos uma peça sinopse que dava mais destaque para o acidente do avião, mas ela já teve seu ciclo de de exibição e agora estamos com outras peças” – disse a assessoria da TV Globo.

 

 

Outras tristes coincidências

 

Morte Marília Mendonça, TV Globo, Quanto Mais Vida Melhor
Em 2001, “O Clone” estreou duas semanas após os atentados às Torres Gêmeas. Bem como em 2011, “Morte & Assopra” exibiu cenas de terremoto, dias após uma tragédia no Japão. Fonte: TV Globo

 

Vale lembrar que em 2011, também em uma novela das 7, uma trama da Globo coincidiu com uma outra tragédia. A novela “Morde & Assopra” mostrou em seus primeiro capítulo um terremoto no Japão, que causou uma reviravolta na vida da protagonista vivida por Adriane Esteves.

A cena foi ao ar apenas 10 dias depois de um grande terremoto, acontecer de fato no país. Em 11 março de 2011, um terremoto não apenas sacudiu como também deslocou o Japão. Com 9 graus de magnitude, o “Grande Terremoto do Leste do Japão.”

Na época Walcyr Carrasco decidiu não alterar a trama, já que as cenas foram gravadas 3 meses antes de tudo: “A cena do terremoto é a que desencadeia toda a trama. É a primeira cena da novela. Não penso em alterar porque ela é fundamental. Mas é claro, estou muito triste com a tragédia ocorrida no Japão” – disse o autor ao G1.

 

“O Clone”

 

De maneira idêntica, em 1 de outubro de 2001, a Globo estreou “O Clone”, de Glória Perez. A novela trouxe toda a cultura islâmica apenas algumas semanas do ataque das Torres Gêmeas, em 11 de setembro.

Dessa forma, Gloria Perez foi categórica ao ser questionada se a novela seria cancelada:

“Eu e o Jayme (Monjardim, diretor do núcleo do qual faz parte ‘O Clone’) já respondemos isso umas cem vezes, e, antes que alguém pergunte de novo, a trama não será alterada. Você só querem saber se o Marrocos [país islâmico onde foi feita parte das cenas da fase inicial da novela] foi diminuído, só vieram com essas perguntas para uma novela tão bonita”- disse a autora na ocasião, em 2001.

Por fim, “Quanto Mais Vida Melhor” estreia dia 22 de novembro, no lugar de “Pega-Pega”.

Veja a chamada em que o acidente de avião é mostrado:

 

- Continue depois da Publicidade -

você pode gostar também

“Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência. Ao utilizar nossos serviços, você concorda.” Tudo bem Mais detalhes