Filha de Joelma é processada por supostas dívidas da artista

Joelma está envolvida em uma polêmica no condomínio Aldeia do Vale, um dos principais de Goiânia

- Continue depois da Publicidade -

Joelma está envolvida em uma polêmica no condomínio Aldeia do Vale, um dos principais de Goiânia.

De acordo com os moradores, houve uma confusão envolvendo a filha da cantora, Natália Sarraff e também a sua ex-assessora, Rafaela Freitas.

 

  • Antes, siga-nos no Google News para para saber tudo sobre Moda, Beleza, Famosos, Décor e muito mais. É só clicar aqui, depois na estrelinha 🌟 lá no News.

 

Há processos ativos contra as duas, em que elas são acusadas de emprestar o próprio nome para Joelma.

O proprietário de uma das casas do condomínio afirma que fez uma transação de compra e venda no valor de R$ 3,7 milhões diretamente com Joelma.

No entanto, quando chegou a hora de a cantora assinar o contrato, ela pediu para que seu nome fosse retirado. No lugar, ela pediu a inclusão do nome da sua filha.

No ato da troca, Joelma disse que se responsabilizava por quitar a dívida em questão, mas isso não aconteceu na prática.

No acordo firmado, a compradora deveria pagar R$ 120 mil de entrada, mais uma parcela de R$ 20 mil e mais dez prestações de R$ 10 mil. Depois disso ainda faltariam 3,5 milhões, a serem pagos até abril de 2020.

Entretanto, de acordo com o proprietário da casa, Joelma se mudou, mas não concluiu os pagamentos. A ultima vez que ela pagou uma parcela foi em outubro de 2019.

O imóvel possui também dívidas referentes ao pagamento do IPTU, água, luz e taxas de condomínio. Além disso, a casa também possui alguns danos.

 

 

Você também pode gostar!

Joelma não conseguiu pagar as dívidas

 

Joelma

 

Segundo Joelma, a chegada da pandemia de Covid-19 prejudicou o seu trabalho e faturamento. Por isso ela não pode quitar a dívida.

Com isso a sua filha acabou se tornando ré em um processo que ultrapassa o valor de R$ 500 mil, referentes a taxas, prestações e honorários de advogados.

Existe ainda outra ação, que envolve a ex-assessora da cantora, Rafaela Freitas. De acordo com o proprietário de outro imóvel, a própria Rafaela usou seu nome em um contrato de aluguel em 2018.

O valor mensal da locação era de R$6,5 mil. Mas de acordo com o dono, o contrato foi quebrado logo no início por falta de pagamento.

De acordo com a descrição do processo, Rafaela teria avisado o proprietário desse segundo imóvel de que ele estaria disponível em março de 2019. Isso porque Joelma havia adquirido outra casa.

Com isso, houve o descumprimento do contrato sem uma notificação prévia. Apesar disso, Rafaela e Joelma se mostraram contrárias ao pagamento de multa contratual.

Nessa causa o valor é referente ao aluguel de abril, atrasos dos meses anteriores, multa contratual e honorários advocatícios. Isso chega a aproximadamente 30 mil reais.

Rafaela confirmou que realmente emprestou o seu nome para que Joelma pudesse fazer a locação da casa citada no processo em questão.

Por fim, confira também: Pai de Gusttavo Lima leva vida simples no interior.

- Continue depois da Publicidade -

você pode gostar também

“Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência. Ao utilizar nossos serviços, você concorda.” Tudo bem Mais detalhes