Só quem passa as noites em claro, sabe os efeitos prejudiciais que a insônia pode causar no dia a dia. Por isso, os chás para dormir têm sido opções naturais para acabar com esse problema. 

Isso porque algumas ervas são capazes de ajudar no tratamento da insônia, que acomete principalmente pessoas com alto nível de estresse e consumo frequente de substância estimulantes. Por exemplo, a cafeína, nicotina ou o álcool.

Porém, é preciso tomar cuidado com a erva escolhida. Isso porque algumas delas possuem o efeito estimulante ao invés de calmante. Desta forma, separamos as seis mais utilizadas e como elas agem no corpo. São elas: 

  1. Camomila
  2. Maracujá
  3. Erva-cidreira
  4. Valeriana
  5. Cúrcuma
  6. Capim-limão

Em seguida, conheça os benefícios de cada um deles! 

Como os chás para dormir funcionam?

Homem dormir após tomar chá para dormir.
Fonte: Canva

Apesar dos chás mencionados serem todos calmantes, é preciso ter em mente que eles demoram cerca de 30 a 60 minutos para fazer efeito no sistema nervoso. Portanto, é importante que esse consumo seja realizado antes de ir para a cama. 

Além disso, para potencializar os efeitos, vale a pena adotar uma rotina que favoreça o sono saudável. Por exemplo, dormir cedo, não mexer no celular após deitar na cama, não consumir alimentos pesados antes de deitar, entre outros. 

Para não enjoar do sabor, uma dica é alternar entre as ervas ou ainda combiná-las entre si. Porém, para não concentrar uma quantidade excessiva das plantas, é necessário aumentar a dosagem da água na receita. 

1. Chá de camomila

Xícara de vidro com chá de camomila.
Fonte: Canva

Este é um dos chás mais famosos para este fim. Isso porque a camomila é popularmente utilizada como calmante indicado para situações de ansiedade e estresse. Porém, nem todos sabem que o chá de camomila também é eficaz no tratamento da insônia. 

Estudos científicos comprovam que a planta ajuda a induzir o sono devido a suas propriedades sedativas. 

Isso acontece graças aos receptores chamados benzodiazepínicos que, quando entram em contato com a substância presente no chá, diminui a ação do sistema nervoso central. 

Além da própria bebida, também há comprovação desses benefícios no vapor liberado do chá. Como resultado, inalar o ar quente ajuda a reduzir os níveis de estresse. 

2. Chá de maracujá

Copo com polpa de maracujá.
Fonte: Canva

Você já ouviu falar que o suco de maracujá é bom para acalmar? Esses benefícios também são garantidos através do chá. Isso porque esta fruta tropical tem poder de aumentar o nível de ácido gama-aminobutírico (GABA) no cérebro, o que ajuda a relaxar. 

Além disso, essa liberação do ácido GABA reduz a atividade cerebral e, consequentemente, facilita pegar no sono.

Uma pesquisa de Fitoterapia comprovou a eficácia do chá de maracujá roxo em um estudo no qual pessoas que o consumiam diariamente apresentaram melhora na qualidade do sono. 

3. Chá de erva-cidreira

Chás para dormir: erva-cidreira.
Fonte: Canva

A erva-cidreira é utilizada em muitas coisas devido ao sabor refrescante e efeito calmante, por exemplo, velas aromáticas, incensos, bebidas geladas e chá. 

Afinal, existem diversas comprovações de que a erva tem papel fundamental no tratamento não só na insônia, mas também na ansiedade e depressão

Estes benefícios também são oferecidos graças à estimulação no cérebro gerada pelo GABA, que é gerada pela maioria dos chás para dormir. 

Além disso, vale destacar que os efeitos deste chá para dormir são menores do que os da camomila, que é ainda mais poderosa. Porém, é uma excelente alternativa para mesclar o sabor no dia a dia.

4. Chá de valeriana

Chá de valeriana.
Fonte: Canva

Outra erva essencial para esta lista de chás para dormir é a valeriana. Este chá é um dos que mais possuem comprovações científicas no tratamento da insônia e na qualidade do sono. 

Assim como o chá de maracujá, o de valeriana auxilia na liberação de ácidos GABA no cérebro. Basicamente, ele é um neurotransmissor capaz de diminuir o sistema nervoso e, assim, ajuda a relaxar. 

Além disso, em relação à qualidade do sono, estudos indicam que o consumo frequente de chá de valeriana aumenta o tempo de sono e diminui a quantidade de vezes que se acorda durante o período da noite. 

  • Você também pode gostar Calmante natural: opções para reduzir a ansiedade e o estresse

5. Chá de cúrcuma 

Xícara com chá de cúrcuma faz parte dos chás para dormir.
Fonte: Canva

Você sabia que a cúrcuma, além de ser um tempero marcante, também pode ajudar a dormir melhor? 

Ao contrário de outros chás como o verde, ou o preto, o de cúrcuma não possui cafeína em sua composição. Por isso, é uma excelente alternativa para variar antes de dormir. 

Porém, se você costuma comprar sachês prontos de erva para fazer chá, é preciso ficar atento. Isso porque parte deles costuma misturar a cúrcuma com alguma outra erva que possua cafeína. Como resultado, a bebida não oferecerá o efeito relaxante. 

6. Chá de capim-limão 

Chá gelado de capim-limão é um dos chás para dormir.
Fonte: Canva

Uma das principais causas da insônia é a ansiedade. Por isso, tratar esse sintoma é fundamental para a qualidade do sono. Sendo assim, uma ótima opção natural para combater esses dois problemas é adicionar o chá de capim-limão ao cardápio no dia a dia. 

Segundo pesquisadores, este é um dos chás para dormir que possui substâncias que auxiliam no alívio da tensão corporal. Como resultado, acalmam e previnem contra a depressão e a insônia. 

Além do chá, esses benefícios podem ser adquiridos também por meio do óleo essencial e suco

  • Siga o Fashion Bubbles no Google News para poder acompanhar tudo sobre Saúde direto no seu smartphone. É só clicar aqui, depois na estrelinha 🌟 lá no News

Conclusão – chás para dormir

Existem vários tipos de chás para dormir que, além de atuar contra insônia também oferecem outros benefícios à saúde. Portanto, adicioná-los no cardápio diário também é melhorar a qualidade de vida e o consumo de produtos naturais.

Porém, antes de iniciar o consumo frequente de qualquer uma das ervas, consulte um médico. Além disso, caso você perceba algum efeito adverso, suspenda o uso imediatamente.